Cuidado com as fraudes de suporte técnico.

Todos nós sabemos o que é se sentir frustrado. Às vezes, um equipamento novo não funciona como deveria. Ou até mesmo o processo de configurá-lo acaba se tornando uma verdadeira dor de cabeça. Horrível, né? Mas tenha cuidado para que, quando for buscar ajuda, você não caia vítima de uma fraude de suporte técnico.

Assim como outros golpes que existem por aí, as fraudes do suporte técnico brincam com as emoções das pessoas. Em especial, com a frustração que sentimos quando as coisas não funcionam como deveriam. Queremos que nossos problemas sejam resolvidos de imediato. Isso pode fazer com que não prestemos atenção suficiente àquele link de suporte técnico que encontramos em uma busca ou em um anúncio. A princípio, ele pode parecer confiável, mas, na verdade, não é.

As fraudes de suporte técnico rendem boas quantias aos criminosos. De fato, as maiores operações de fraude de suporte técnico se organizam e funcionam como uma empresa, com call centers, equipes de marketing e departamentos financeiros, por exemplo, obtendo lucros consideráveis.

Os golpistas ganham dinheiro de várias maneiras. Às vezes, eles cobram taxas elevadas para resolver um problema inexistente. Outras, instalam malwares que roubam informações, alegando que se trata de software que corrige um determinado problema. Em alguns casos, eles solicitam acesso remoto ao seu computador para realizar um diagnóstico, mas na verdade o que querem é roubar informações.

Felizmente, esse tipo de fraude é bem fácil de detectar. E evitar. Basta ficar atento a alguns detalhes.

Como ocorrem as fraudes de suporte técnico?

Vamos começar dando uma visão geral das fraudes de suporte técnico. Os golpistas tendem a trabalhar principalmente de duas formas.

Primeira: fraudes de busca ativa

Pode ser uma chamada telefônica de alguém fingindo ser um representante da “Microsoft” ou da “Apple”. O golpista do outro lado da linha lhe dirá que há algo errado com seu computador ou dispositivo, que precisa ser reparado urgentemente. Daí, ele oferece uma solução falsa para o problema falso, muitas vezes a um custo elevado. Outra forma que usam para contactá-lo é através de um anúncio pop-up alegando, mais uma vez, que seu computador ou dispositivo precisa de reparo urgente. Eles podem chegar até você:

  • Quando você clica em links de e-mails não solicitados.
  • A partir de anúncios pop-up de sites duvidosos.
  • Por pop-ups de sites confiáveis, mas que estão contaminados por anúncios maliciosos.
  • Por meio de chamadas telefônicas de spam feitas diretamente a você, seja por robocalls ou por um operador real.

Segunda: fraudes à espreita

São serviços e sites falsos que se apresentam como suporte técnico legítimo, mas que de legítimo não têm nada. Eles colocam anúncios de busca e publicam nas redes sociais, esperando que você realize uma pesquisa e entre em contato quando tiver um problema. Exemplos:

  • Anúncios de classificados on-line, postagens em fóruns, e blogs.
  • Anúncios em redes sociais, como Facebook, Reddit, YouTube e Tumblr.
  • Resultados de busca (sim, os golpistas também colocam anúncios pagos!).

As fraudes de suporte técnico atingem a todos, não apenas aos idosos

Embora os golpistas de suporte técnico costumam ter como presa os usuários idosos, estes não são os únicos. A aparente falta de conhecimento dos usuários idosos sobre computadores faz com que sejam um alvo atraente, mas um certo excesso de confiança também torna os jovens vítimas suscetíveis a fraudes do suporte técnico. Parece que a crescente maioria das vítimas no mundo inteiro tem entre 18 e 35 anos, ou seja, a faixa etária que passou a vida inteira usando Internet. Esses números foram divulgados numa pesquisa da Unidade de Crimes Digitais da Microsoft, que descobriu que 1 em cada 10 pessoas entre 18 e 35 anos de idade caíram numa fraude de suporte técnico e perderam dinheiro.

Independente da faixa etária, a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC) diz que as perdas notificadas nos EUA estão na casa dos milhões, o que, naturalmente, não impede que haja outros milhões que não são denunciados.

Como identificar e evitar as fraudes de suporte técnico

  • No caso de anúncios e resultados de busca, fique atento a erros de digitação, linguagem estranha ou diagramação e logotipos ruins, parecendo uma falsificação de uma marca legítima.
  • Cuidado com as chamadas telefônicas. Se alguém lhe ligar oferecendo “suporte técnico”, há grandes chances de que isso seja uma fraude. E se pedirem pagamento em cartões-presente ou em criptomoeda, como o bitcoin, então com certeza é uma fraude. Simplesmente desligue.
  • Tenha em mente que as grandes empresas de tecnologia, como a Apple e a Microsoft, nunca ligarão para você oferecendo suporte técnico ou alertando de que “algo está errado com seu computador”. Essas chamadas são feitas por impostores. Além disso, em muitos casos, uma empresa confiável oferecerá suporte gratuito como parte de sua compra ou assinatura, que você mesmo poderá obter quando precisar (aliás, esse é o caso de nossos produtos).
  • Não clique em links nem ligue para qualquer número que apareça subitamente em sua tela, “alertando-o” sobre algum problema no computador. Mais uma vez, é um sinal provável de uma tentativa de fraude. Geralmente, isso acontecerá durante a navegação. Basta fechar seu navegador e abrir uma nova janela para limpar o anúncio ou link.
  • Vá direto na fonte. Contate diretamente a empresa para obter suporte, seja digitando manualmente o site no navegador ou ligando para o número presente na embalagem ou compra. Não busque na internet. Isso ajudará a evitar os impostores que inundam os resultados de pesquisa com anúncios falsos.
  • Proteja seu navegador. Use uma extensão de navegação segura que detecta sites maliciosos e o ajudem a evitar que clique neles por engano. Um software abrangente de proteção on-line oferecerá proteção à sua navegação, além de proteção contra malware e vírus.

Por último, um bom conselho é sempre manter seus dispositivos e aplicativos atualizados. As atualizações regulares geralmente incluem correções e melhorias de segurança que podem ajudar a manter os golpistas e hackers bem longe. Configure seus dispositivos e aplicativos para baixar as atualizações automaticamente. E se precisar obter uma atualização ou download por conta própria, adquira-a no site oficial da empresa. Fique longe de sites de terceiros que possam hospedar malware.

O que fazer se achar que foi vítima de fraude:

1. Altere suas senhas.

É uma forma de se proteger caso o golpista tenha conseguido acessar suas senhas. Embora seja trabalhosa, é uma ação fundamental. O gerenciador de senhas de um pacote de proteção on-line abrangente pode facilitar esse passo.

2. Execute uma verificação de malware e vírus imediatamente.

Elimine arquivos ou aplicativos que o software sinalizou como problemáticos. Faça o mesmo com outros dispositivos em sua rede. Os golpistas experientes e ousados podem infectá-los também, simplesmente obtendo acesso a um dos dispositivos em sua rede.

3. Cancele o pagamento.

Contate seu banco, empresa de cartão de crédito, plataforma de pagamento on-line ou serviço de transferência eletrônica imediatamente para reverter as cobranças. Também registre uma queixa por fraude. Quanto mais cedo você agir, mais chances terá de recuperar parte ou todo o seu dinheiro (este é um bom motivo para usar cartões de crédito em compras on-line, pois oferecem uma proteção extra que os cartões de débito e outros serviços de pagamento não contêm).

4. Denuncie a fraude.

Nos Estados Unidos, você pode acessar o site https://www.ftc.gov/complaint, que denuncia a queixa a milhares de órgãos policiais. Embora não possam resolver sua questão individual, sua denúncia pode contribuir para investigações mais amplas e criar um caso contra golpistas, tornando a internet mais segura para todos. A lista de perguntas frequentes do site também é bastante útil e responde a perguntas importantes, como “Como recuperar meu dinheiro?”. No Brasil, você pode acessar a SaferNet (https://new.safernet.org.br/)

Divirta-se!

Um brinde aos aparelhos que funcionam no Natal. E outro aos reparos rápidos que os consertam para nós. Lembre-se: ao se deparar com um problema técnico, busque ajuda diretamente na fonte, como já mencionamos. Os golpistas têm se infiltrado em anúncios, resultados de pesquisas e fóruns on-line legítimos, prontos para se aproveitar de você quando estiver precisando resolver algum problema.

Igualmente, mantenha os olhos e ouvidos bem abertos para evitar os golpistas, principalmente nesta época do ano em que muitas pessoas adquirem dispositivos novos. Saber que um suporte técnico legítimo nunca vai ligar para você do nada já é um bom começo. Por isso, contate os profissionais que você já conhece, aqueles que pode encontrar a qualquer momento nas empresas em que confia.

FacebookLinkedInTwitterEmailCopy Link

Stay Updated

Follow us to stay updated on all things McAfee and on top of the latest consumer and mobile security threats.

FacebookTwitterInstagramLinkedINYouTubeRSS

More from Consumer

Back to top