Segurança do bitcoin: as ameaças que você precisa conhecer sobre a mineração

By on Mar 02, 2021

Segurança do bitcoin: as ameaças que você precisa conhecer sobre a mineração

O valor do bitcoin teve seus altos e baixos desde seu início em 2013, mas o recente aumento no seu valor gerou um interesse renovado por essa moeda virtual. O rápido crescimento dessa moeda alternativa dominou as manchetes e desencadeou um boom de criptomoedas que fez os consumidores do mundo todo se perguntarem como conseguir uma fatia desse bolo chamado bitcoin. Para aqueles que querem entrar nessa onda sem negociar moedas tradicionais como dólares americanos (ou seja, moeda fiduciária), um processo chamado “mineração de bitcoin” é um ponto de entrada. No entanto, a mineração de bitcoin apresenta vários riscos à segurança que você precisa conhecer.

O que é mineração de bitcoin?

Minerar bitcoin é como garimpar ouro: você trabalha e recebe sua recompensa. Mas, em vez trabalhar arduamente, você ganha dinheiro investindo seu tempo e a capacidade de processamento do computador. Os “mineradores”, como são chamados, basicamente fazem a manutenção e protegem o sistema de contabilidade descentralizado do bitcoin.

As transações em bitcoin são registradas em um livro-razão digital denominado “blockchain”. Os mineradores de bitcoins atualizam o livro-razão baixando um software especial que lhes permite verificar e coletar novas transações. Em seguida, eles devem resolver um quebra-cabeça matemático para garantir o acesso e adicionar um bloco de transações à cadeia. Em troca, eles ganham bitcoins, bem como uma taxa de transação.

Quais são os riscos de segurança do bitcoin?

À medida que a moeda digital foi se consolidando, a mineração de bitcoin tornou-se mais desafiadora. No início, um usuário de bitcoin poderia minerar em seu computador doméstico e ganhar uma boa quantidade de moeda digital, mas hoje em dia os problemas matemáticos se tornaram tão complicados que exigem capacidade de processamento maior e mais cara.

É aqui que entram os riscos. Uma vez que os mineradores precisam de uma quantidade cada vez maior de capacidade de processamento para ganhar bitcoins, alguns deles começaram a comprometer as redes Wi-Fi públicas para poder acessar os dispositivos dos usuários. Um exemplo dessa violação de segurança aconteceu em uma cafeteria em Buenos Aires, que foi infectada com um malware que provocou um atraso de 10 segundos ao fazer login na rede Wi-Fi da cafeteria. Os autores do malware usaram esse intervalo de tempo para acessar os laptops dos usuários para mineração.

Além das redes Wi-Fi públicas, milhões de sites estão sendo danificados para acessar os dispositivos dos usuários para mineração. Quando um atacante carrega um software de mineração em um dispositivo sem a permissão do proprietário, essa ação é chamada de mineração maliciosa de criptomoedas ou criptojacking. Estima-se que 50 de cada 100.000 dispositivos já foram invadidos por mineradores de criptomoedas.

O criptojacking é um problema generalizado. Ele pode deixar seu dispositivo lento, mas isso não é o pior que pode acontecer. Os custos de serviços públicos também tendem a subir vertiginosamente. Um dispositivo que sofre criptojacking poderia ter 100% dos seus recursos utilizados para mineração. Isso poderia levar o dispositivo a se superaquecer e poderia, basicamente, destruí-lo.

Quais são as dicas de privacidade do bitcoin?

Agora que você sabe um pouco mais sobre a mineração e os riscos de segurança do bitcoin associados a ela, aqui estão algumas dicas para manter seus dispositivos seguros enquanto monitora o mercado de criptomoedas:

  • Evite redes Wi-Fi públicas : essas redes geralmente não são protegidas e abrem seu dispositivo e sua informações a uma série de ameaças.
  • Use uma VPN:se estiver longe de sua rede doméstica ou da rede de trabalho segura, considere usar uma rede privada virtual (VPN). Uma VPN é um software que fornece uma conexão segura com a Internet, para que terceiros não possam interceptar nem ler seus dados. Um produto como o McAfee Safe Connect pode ajudar a proteger sua privacidade on-line, aonde quer que você vá.
  • Proteja seus dispositivos: novas ameaças de bitcoin, preocupações com a segurança e malware surgem o tempo todo. Proteja seus dispositivos e suas informações com um software de segurança abrangente.

Mantenha-se atualizado

Para se manter atualizado sobre todos os produtos da McAfee e ficar antenado sobre as mais recentes ameaças à segurança do consumidor e dos dispositivos móveis, siga @McAfee_Home  no Twitter, assine nossa lista de e-mails, ouça nosso podcast Hackable? e curta nossa página no Facebook.

 

 

About the Author

McAfee

McAfee is the device-to-cloud cybersecurity company. Inspired by the power of working together, McAfee creates business and consumer solutions that make our world a safer place. Take a look at our latest blogs.

Read more posts from McAfee

Similar Blogs

Subscribe to McAfee Securing Tomorrow Blogs